Receitas de coquetéis, destilados e bares locais

Desinfetante para as mãos: a última tendência em consumo de álcool entre adolescentes

Desinfetante para as mãos: a última tendência em consumo de álcool entre adolescentes

Aparentemente, apenas alguns goles são suficientes para deixar uma pessoa bêbada

Quem pensaria em fazer uma coisa dessas apenas para se divertir?

Parece não haver limite para o coisas ridículas que as pessoas fazem para ficar bêbadas. Sorvete de chantilly enriquecido, 40s de cerveja colada com fita adesiva em suas mãos, tomando uma dose de vodca em seu globo ocular (eca) - você escolhe, alguém provavelmente já fez isso.

Mas beber desinfetante para as mãos? Mesmo? Quem pensaria em fazer uma coisa dessas apenas para se divertir?

Adolescentes, aparentemente.

De acordo com relatórios recentes, no último mês, até seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool decorrente do consumo de desinfetante para as mãos. Por uma história no Los Angeles Times, alguns dos adolescentes usaram sal para extrair o álcool do produto para criar uma espécie de foto improvisada. Os especialistas dizem que, como a maioria dos desinfetantes para as mãos líquidos variam entre 62 e 65 por cento de álcool etílico, a substância chega a cerca de 120 graus (considere que uma garrafa padrão de tequila ou vodka geralmente tem cerca de 80 graus de álcool, não um número insignificante em si) .

Como o Dr. Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Hospital Infantil de Los Angeles, disse ao jornal: "Basta apenas alguns goles e você terá um adolescente bêbado".

Talvez o mais preocupante seja que a tendência decididamente perigosa não é realmente tão nova e está se espalhando lentamente por todo o país. De acordo com um relatório do ABC, cerca de 2.600 casos foram relatados desde 2010, e incidências semelhantes surgiram no Sul, Centro-Oeste e na Costa Leste.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka inseridos na vagina para se embebedar mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve repercussões em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o oficial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para meninas. Os caras também vão usar e inserir no reto."

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rummy.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão despejando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como alcoólatra no colégio e na faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais facilmente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5 título: Desinfetante para as mãos (uso fora do rótulo) texto: Mova, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões no programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, disse à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65 por cento, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna 120 à prova. A maior parte da vodka é 80 a prova.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicados do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka inseridos na vagina para se embebedar mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o oficial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para meninas. Os caras também vão usar e inserir no reto."

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rummy.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão derramando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como bebedora compulsiva do colégio e da faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais facilmente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5 título: Desinfetante para as mãos (uso fora do rótulo) texto: Mova, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", disse Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões do programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65 por cento, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna 120 à prova. A maioria das vodka tem 80 provas.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicados do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka, inseridos na vagina, para ficar bêbado mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o policial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para garotas. Os caras também vão usar e inserir no reto".

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rum.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão derramando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como bebedora compulsiva do colégio e da faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais facilmente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5 título: Desinfetante para as mãos (uso fora do rótulo) texto: Mova, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões no programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, disse à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65 por cento, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna 120 à prova. A maioria das vodka tem 80 provas.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicados do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka, inseridos na vagina, para ficar bêbado mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o oficial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para meninas. Os caras também vão usar e inserir no reto."

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rum.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão derramando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como alcoólatra no colégio e na faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais rapidamente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5 título: Desinfetante para as mãos (uso fora do rótulo) texto: Mova, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", disse Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões do programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65 por cento, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna 120 graus à prova. A maior parte da vodka é 80 a prova.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicados do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka, inseridos na vagina, para ficar bêbado mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o policial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para garotas. Os caras também vão usar e inserir no reto".

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rum.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão derramando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como alcoólatra no colégio e na faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais facilmente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5 título: Desinfetante para as mãos (uso fora do rótulo) texto: Mova, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", disse Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões do programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65%, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna a 120 graus à prova. A maioria das vodka tem 80 provas.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicantes do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka inseridos na vagina para se embebedar mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o oficial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para meninas. Os caras também vão usar e inserir no reto."

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rummy.

Em novembro de 2011, as autoridades de saúde da Flórida alertaram as escolas sobre os alunos - alguns tão jovens quanto o ensino médio - embeber balas de goma em álcool e trazê-las para a escola para desfrutar debaixo do nariz dos professores.

O doce com um chute foi relatado em Nova York e Nebraska, também.

Debi MacIntyre, diretora executiva do Condado de Lake (Flórida) Safe Climate Coalition, uma organização sem fins lucrativos que visa o consumo de drogas por jovens, disse que os vermes de goma funcionam melhor.

"Você coloca alguns deles no fundo de uma panela e o álcool passa pela manhã. Eles são longos e magros, e na verdade ficam bem grandes."

lista rápida: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. Isso pode ser o extremo ao extremo, mas os vídeos do YouTube são a prova de que alguns jovens bebedores por aí estão derramando bebida em suas órbitas.

Koren Zailckas, 32, escreveu um livro de memórias best-seller, "Smashed", sobre seus anos como bebedora compulsiva do colégio e da faculdade, e em 2010 ela o seguiu com outro livro, intitulado "Fury".

"[As] poucas pessoas que consegui encontrar que fizeram [fotos do globo ocular] disseram que parece que você está ficando cego", disse ela.

Essa não é a única preocupação.

"O delicado tecido da vagina, ânus e globos oculares absorve o álcool muito mais facilmente do que a pele normal", disse Rebecca Williams, pesquisadora associada da Universidade da Carolina do Norte que estudou o acesso de jovens ao álcool. "Quando se trata de tampões de vodka, enemas alcoólicos ou injeções oculares, há preocupações sobre como pode ser fácil uma overdose e acabar com intoxicação por álcool."

lista rápida: 5title: Hand Sanitizer (Off-Label Use) texto: Mover, xarope para tosse. Em março, seis adolescentes da Califórnia foram hospitalizados com intoxicação por álcool por beber desinfetante para as mãos.

"Esta é uma tendência emergente rapidamente", disse Cyrus Rangan, consultor de toxicologia médica do Children's Hospital de Los Angeles, em entrevista coletiva algumas semanas depois. Cerca de 2.600 casos foram relatados na Califórnia desde 2010.

"Não é apenas localizado para nós", disse Helen Arbogast, coordenadora de prevenção de lesões do programa de trauma do Children's Hospital de Los Angeles, à ABC News. “Desde 2009, podemos ver no YouTube que está em todas as regiões do país”.

O desinfetante para as mãos contém álcool etílico de 62 a 65 por cento, ou etanol, o principal ingrediente da cerveja, do vinho e de destilados, o que o torna 120 à prova. A maioria das vodka tem 80 provas.

"Bastam alguns goles para fazer uma pessoa obter os efeitos intoxicantes do álcool", disse Rangan.


5 maneiras chocantes de seus filhos tentarem ficar bêbados

Desinfetante para as mãos e ursinhos de goma são reaproveitados por adolescentes que bebem excessivamente.

Nação da intoxicação: polícia à espreita nos bares

21 de setembro de 2012 e nº 151 - introdução: Noventa por cento do álcool consumido por menores de idade é consumido durante o consumo excessivo de álcool, de acordo com os Centros de Controle de Doenças.

Igualmente alarmantes são as novas formas de beber que os adolescentes supostamente desenvolveram. Aquele projeto de ciências no qual o Junior está trabalhando tanto? Pode ter menos a ver com aulas de física e mais a ver com maneiras de levar álcool ao sangue que aumentam o zumbido e evitam ser pego.

lista rápida: 1título: Vodka Tampontext: Não é uma banda de punk rock, mas sim o uso de absorventes internos embebidos em vodka, inseridos na vagina, para ficar bêbado mais rápido e sem deixar a bebida ficar sem fôlego. É conhecido como "emagrecimento".

O site de investigação de boatos snopes.com concluiu que era falso, mas um relatório de novembro de 2011 da KPHO Phoenix incluiu entrevistas com um policial e um médico que disseram ter testemunhado casos dele.

O relatório KPHO teve eco em toda a mídia global, incluindo o Relatório Colbert. Isso sem dúvida fez com que muitos jovens experimentassem, levando a uma "tendência" autocriadora. Alguns deles postaram vídeos no YouTube.

"Queima!" é uma frase que muitos dos vídeos compartilham.

A inserção anal é uma opção alternativa - até mesmo recomendada -, segundo reportagens, pessoas nos vídeos do YouTube e comentaristas nos vídeos.

No relatório da KPHO, o oficial Chris Thomas observou: "Isso definitivamente não é só para meninas. Os caras também vão usar e inserir no reto".

O que nos leva ao número dois.

lista rápida: 2título: Variação sobre o texto do bong de cerveja: também conhecido como enema de bong de cerveja ou "butt chug", este é o uso retal de um bong de cerveja - um funil conectado a um tubo de plástico transparente para efetuar um fluxo de alta pressão de Cerveja. O show de dublês "Jackass" retratou isso, e muitos adolescentes tentaram em casa. A prova está nos inúmeros vídeos do YouTube.

lista rápida: 3title: Boozy Bearstext: Você adivinhou: ursinhos de goma encharcados de bebida. Eles também são chamados de chicletes bêbados e ursinhos de rum.

In November 2011, Florida health officials warned schools about students -- some as young as middle-schoolers -- soaking gummy candy in alcohol and bringing it to school to enjoy under teachers' noses.

The candy with a kick has been reported in New York and Nebraska, as well.

Debi MacIntyre, executive director of Lake County (Fla.) Safe Climate Coalition, a nonprofit targeting youth substance abuse, said that gummy worms work best.

"You lay a couple of them in the bottom of a pan and the alcohol is gone by morning. They are long and skinny, and they actually plump up quite big."

quicklist: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. This may be the extreme of the extreme, but the YouTube videos are proof that a few young drinkers out there are pouring liquor into their eye sockets.

Koren Zailckas, 32, wrote a best-selling memoir, "Smashed," about her years as a high school and college binge drinker, and in 2010 she followed it with another book, titled "Fury."

"[The] few people I've managed to find who have done [eyeball shots] said it feels like you're going blind," she said.

That's not the only concern.

"The delicate tissue in the vagina, anus and eyeballs absorbs alcohol much more readily than regular skin does," said Rebecca Williams, a research associate at the University of North Carolina who has studied youth access to alcohol. "When it comes to vodka tampons, alcoholic enemas or eyeball shots, there are concerns over how easy it can be to overdose and end up with alcohol poisoning."

quicklist: 5title: Hand Sanitizer (Off-Label Use)text: Move over, cough syrup. In March, six California teens were hospitalized with alcohol poisoning from drinking hand sanitizer.

"This is a rapidly emerging trend," Dr. Cyrus Rangan, a medical toxicology consultant for Children's Hospital Los Angeles, said at a news conference a few weeks later. About 2,600 cases have been reported in California since 2010.

"It's not just localized to us," Helen Arbogast, an injury prevention coordinator in the trauma program at Children's Hospital Los Angeles, told ABC News. "Since 2009, we can see on YouTube it's in all regions of the country."

Liquid hand sanitizer is 62 to 65 percent ethyl alcohol, or ethanol, the main ingredient in beer, wine and spirits, making it 120 proof. Most vodka is 80 proof.

"A few swallows is all it takes to get a person to get the intoxicated effects of alcohol," Rangan said.


5 Shocking Ways Your Kids Try to Get Drunk

Hand sanitizer and gummy bears are repurposed by binge-drinking teens.

Intoxication Nation: Police on the Prowl in Bars

Sept. 21, 2012 — -- intro: Ninety percent of alcohol consumed by underage drinkers is consumed while binge drinking, according to the Centers for Disease Control.

Equally alarming are the new forms of drinking teens reportedly have devised. That science project Junior's been working so hard on? It may have less to do with physics class and more to do with ways to deliver alcohol to the blood that boost the buzz and prevent getting caught.

quicklist: 1title: Vodka Tampontext: It's not a punk rock band, rather the use of vodka-soaked tampons inserted vaginally to get drunk faster and without having booze on your breath. It's known as "slimming."

The rumor-vetting website snopes.com concluded it was false, but a November 2011 report by KPHO Phoenix included interviews with a police officer and doctor who said they had witnessed cases of it.

The KPHO report echoed far and wide through the global media, including The Colbert Report. That doubtless made many young people try it, leading to a self-creating "trend." Some of them have posted videos to YouTube.

"It burns!" is a phrase many of the videos share.

Anal insertion is an alternate -- even recommended -- option, according to news reports, people in the YouTube videos and commenters on the videos.

In the KPHO report, Officer Chris Thomas noted, "This is definitely not just girls. Guys will also use it and they'll insert it into their rectums."

Which leads us to number two .

quicklist: 2title: Variation on the Beer Bongtext: Also known as the beer bong enema or "butt chug," this is the rectal use of a beer bong -- a funnel connected to a clear plastic tube to effect a high-pressure flow of beer. The stunt show "Jackass" depicted it, and many teens tried it at home. The proof is in the numerous videos on YouTube.

quicklist: 3title: Boozy Bearstext: You guessed it: booze-soaked gummy bears. They're also called drunk gummies and rummy bears.

In November 2011, Florida health officials warned schools about students -- some as young as middle-schoolers -- soaking gummy candy in alcohol and bringing it to school to enjoy under teachers' noses.

The candy with a kick has been reported in New York and Nebraska, as well.

Debi MacIntyre, executive director of Lake County (Fla.) Safe Climate Coalition, a nonprofit targeting youth substance abuse, said that gummy worms work best.

"You lay a couple of them in the bottom of a pan and the alcohol is gone by morning. They are long and skinny, and they actually plump up quite big."

quicklist: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. This may be the extreme of the extreme, but the YouTube videos are proof that a few young drinkers out there are pouring liquor into their eye sockets.

Koren Zailckas, 32, wrote a best-selling memoir, "Smashed," about her years as a high school and college binge drinker, and in 2010 she followed it with another book, titled "Fury."

"[The] few people I've managed to find who have done [eyeball shots] said it feels like you're going blind," she said.

That's not the only concern.

"The delicate tissue in the vagina, anus and eyeballs absorbs alcohol much more readily than regular skin does," said Rebecca Williams, a research associate at the University of North Carolina who has studied youth access to alcohol. "When it comes to vodka tampons, alcoholic enemas or eyeball shots, there are concerns over how easy it can be to overdose and end up with alcohol poisoning."

quicklist: 5title: Hand Sanitizer (Off-Label Use)text: Move over, cough syrup. In March, six California teens were hospitalized with alcohol poisoning from drinking hand sanitizer.

"This is a rapidly emerging trend," Dr. Cyrus Rangan, a medical toxicology consultant for Children's Hospital Los Angeles, said at a news conference a few weeks later. About 2,600 cases have been reported in California since 2010.

"It's not just localized to us," Helen Arbogast, an injury prevention coordinator in the trauma program at Children's Hospital Los Angeles, told ABC News. "Since 2009, we can see on YouTube it's in all regions of the country."

Liquid hand sanitizer is 62 to 65 percent ethyl alcohol, or ethanol, the main ingredient in beer, wine and spirits, making it 120 proof. Most vodka is 80 proof.

"A few swallows is all it takes to get a person to get the intoxicated effects of alcohol," Rangan said.


5 Shocking Ways Your Kids Try to Get Drunk

Hand sanitizer and gummy bears are repurposed by binge-drinking teens.

Intoxication Nation: Police on the Prowl in Bars

Sept. 21, 2012 — -- intro: Ninety percent of alcohol consumed by underage drinkers is consumed while binge drinking, according to the Centers for Disease Control.

Equally alarming are the new forms of drinking teens reportedly have devised. That science project Junior's been working so hard on? It may have less to do with physics class and more to do with ways to deliver alcohol to the blood that boost the buzz and prevent getting caught.

quicklist: 1title: Vodka Tampontext: It's not a punk rock band, rather the use of vodka-soaked tampons inserted vaginally to get drunk faster and without having booze on your breath. It's known as "slimming."

The rumor-vetting website snopes.com concluded it was false, but a November 2011 report by KPHO Phoenix included interviews with a police officer and doctor who said they had witnessed cases of it.

The KPHO report echoed far and wide through the global media, including The Colbert Report. That doubtless made many young people try it, leading to a self-creating "trend." Some of them have posted videos to YouTube.

"It burns!" is a phrase many of the videos share.

Anal insertion is an alternate -- even recommended -- option, according to news reports, people in the YouTube videos and commenters on the videos.

In the KPHO report, Officer Chris Thomas noted, "This is definitely not just girls. Guys will also use it and they'll insert it into their rectums."

Which leads us to number two .

quicklist: 2title: Variation on the Beer Bongtext: Also known as the beer bong enema or "butt chug," this is the rectal use of a beer bong -- a funnel connected to a clear plastic tube to effect a high-pressure flow of beer. The stunt show "Jackass" depicted it, and many teens tried it at home. The proof is in the numerous videos on YouTube.

quicklist: 3title: Boozy Bearstext: You guessed it: booze-soaked gummy bears. They're also called drunk gummies and rummy bears.

In November 2011, Florida health officials warned schools about students -- some as young as middle-schoolers -- soaking gummy candy in alcohol and bringing it to school to enjoy under teachers' noses.

The candy with a kick has been reported in New York and Nebraska, as well.

Debi MacIntyre, executive director of Lake County (Fla.) Safe Climate Coalition, a nonprofit targeting youth substance abuse, said that gummy worms work best.

"You lay a couple of them in the bottom of a pan and the alcohol is gone by morning. They are long and skinny, and they actually plump up quite big."

quicklist: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. This may be the extreme of the extreme, but the YouTube videos are proof that a few young drinkers out there are pouring liquor into their eye sockets.

Koren Zailckas, 32, wrote a best-selling memoir, "Smashed," about her years as a high school and college binge drinker, and in 2010 she followed it with another book, titled "Fury."

"[The] few people I've managed to find who have done [eyeball shots] said it feels like you're going blind," she said.

That's not the only concern.

"The delicate tissue in the vagina, anus and eyeballs absorbs alcohol much more readily than regular skin does," said Rebecca Williams, a research associate at the University of North Carolina who has studied youth access to alcohol. "When it comes to vodka tampons, alcoholic enemas or eyeball shots, there are concerns over how easy it can be to overdose and end up with alcohol poisoning."

quicklist: 5title: Hand Sanitizer (Off-Label Use)text: Move over, cough syrup. In March, six California teens were hospitalized with alcohol poisoning from drinking hand sanitizer.

"This is a rapidly emerging trend," Dr. Cyrus Rangan, a medical toxicology consultant for Children's Hospital Los Angeles, said at a news conference a few weeks later. About 2,600 cases have been reported in California since 2010.

"It's not just localized to us," Helen Arbogast, an injury prevention coordinator in the trauma program at Children's Hospital Los Angeles, told ABC News. "Since 2009, we can see on YouTube it's in all regions of the country."

Liquid hand sanitizer is 62 to 65 percent ethyl alcohol, or ethanol, the main ingredient in beer, wine and spirits, making it 120 proof. Most vodka is 80 proof.

"A few swallows is all it takes to get a person to get the intoxicated effects of alcohol," Rangan said.


5 Shocking Ways Your Kids Try to Get Drunk

Hand sanitizer and gummy bears are repurposed by binge-drinking teens.

Intoxication Nation: Police on the Prowl in Bars

Sept. 21, 2012 — -- intro: Ninety percent of alcohol consumed by underage drinkers is consumed while binge drinking, according to the Centers for Disease Control.

Equally alarming are the new forms of drinking teens reportedly have devised. That science project Junior's been working so hard on? It may have less to do with physics class and more to do with ways to deliver alcohol to the blood that boost the buzz and prevent getting caught.

quicklist: 1title: Vodka Tampontext: It's not a punk rock band, rather the use of vodka-soaked tampons inserted vaginally to get drunk faster and without having booze on your breath. It's known as "slimming."

The rumor-vetting website snopes.com concluded it was false, but a November 2011 report by KPHO Phoenix included interviews with a police officer and doctor who said they had witnessed cases of it.

The KPHO report echoed far and wide through the global media, including The Colbert Report. That doubtless made many young people try it, leading to a self-creating "trend." Some of them have posted videos to YouTube.

"It burns!" is a phrase many of the videos share.

Anal insertion is an alternate -- even recommended -- option, according to news reports, people in the YouTube videos and commenters on the videos.

In the KPHO report, Officer Chris Thomas noted, "This is definitely not just girls. Guys will also use it and they'll insert it into their rectums."

Which leads us to number two .

quicklist: 2title: Variation on the Beer Bongtext: Also known as the beer bong enema or "butt chug," this is the rectal use of a beer bong -- a funnel connected to a clear plastic tube to effect a high-pressure flow of beer. The stunt show "Jackass" depicted it, and many teens tried it at home. The proof is in the numerous videos on YouTube.

quicklist: 3title: Boozy Bearstext: You guessed it: booze-soaked gummy bears. They're also called drunk gummies and rummy bears.

In November 2011, Florida health officials warned schools about students -- some as young as middle-schoolers -- soaking gummy candy in alcohol and bringing it to school to enjoy under teachers' noses.

The candy with a kick has been reported in New York and Nebraska, as well.

Debi MacIntyre, executive director of Lake County (Fla.) Safe Climate Coalition, a nonprofit targeting youth substance abuse, said that gummy worms work best.

"You lay a couple of them in the bottom of a pan and the alcohol is gone by morning. They are long and skinny, and they actually plump up quite big."

quicklist: 4title: Eyeball Shotstext: Just Google it. This may be the extreme of the extreme, but the YouTube videos are proof that a few young drinkers out there are pouring liquor into their eye sockets.

Koren Zailckas, 32, wrote a best-selling memoir, "Smashed," about her years as a high school and college binge drinker, and in 2010 she followed it with another book, titled "Fury."

"[The] few people I've managed to find who have done [eyeball shots] said it feels like you're going blind," she said.

That's not the only concern.

"The delicate tissue in the vagina, anus and eyeballs absorbs alcohol much more readily than regular skin does," said Rebecca Williams, a research associate at the University of North Carolina who has studied youth access to alcohol. "When it comes to vodka tampons, alcoholic enemas or eyeball shots, there are concerns over how easy it can be to overdose and end up with alcohol poisoning."

quicklist: 5title: Hand Sanitizer (Off-Label Use)text: Move over, cough syrup. In March, six California teens were hospitalized with alcohol poisoning from drinking hand sanitizer.

"This is a rapidly emerging trend," Dr. Cyrus Rangan, a medical toxicology consultant for Children's Hospital Los Angeles, said at a news conference a few weeks later. About 2,600 cases have been reported in California since 2010.

"It's not just localized to us," Helen Arbogast, an injury prevention coordinator in the trauma program at Children's Hospital Los Angeles, told ABC News. "Since 2009, we can see on YouTube it's in all regions of the country."

Liquid hand sanitizer is 62 to 65 percent ethyl alcohol, or ethanol, the main ingredient in beer, wine and spirits, making it 120 proof. Most vodka is 80 proof.

"A few swallows is all it takes to get a person to get the intoxicated effects of alcohol," Rangan said.


Assista o vídeo: Saiba como a bebida alcoólica prejudica o viço da pele (Janeiro 2022).