Receitas de coquetéis, destilados e bares locais

Os 25 melhores superalimentos de inverno

Os 25 melhores superalimentos de inverno

Aproveite as melhores frutas e vegetais que a estação tem a oferecer

Mova as maçãs; o inverno é a estação das pêras.

Um inverno prolongado nos fez ansiar pelo sol, mas esta estação aparentemente desolada traz alguns produtos incríveis.

Clique aqui para ver a apresentação de slides dos 25 melhores superalimentos de inverno

A primavera sempre foi a estação de assinatura para frutas e vegetais, por isso a beleza rústica dos produtos de inverno é frequentemente esquecida. Quando devidamente preparados, esses alimentos abrem novas fronteiras de textura e sabor.

A vasta diversidade geográfica dos Estados Unidos significa que virtualmente todo superalimento de inverno pode ser cultivado em algum lugar. Repolho, couve de Bruxelas e abóbora prosperam em climas mais frios, enquanto frutas cítricas, romãs e folhas verdes escuras como couve e acelga são mais abundantes em áreas mais quentes.

Independentemente de sua origem, o inverno oferece uma abundância de produtos, que merece a designação de superalimento. Por exemplo, erva-doce, brócolis rabe e toranja são fontes abundantes de vitamina C; romãs, repolho e couve-flor possuem compostos que combatem o câncer; e couve de Bruxelas, beterraba e pastinaga fortificam sua dieta com ácido fólico. Expanda o seu mundo culinário e experimente alguns dos melhores - e melhores para você - alimentos que o inverno tem a oferecer.

Aqui está uma lista dos 25 melhores superalimentos de inverno.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são exorbitantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que auxilia a visão, e potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxiliar digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo nos níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Do ponto de vista nutricional, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração desse valor. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (ruim) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e baixando a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas antigas culturas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa.Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças.Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


25 superalimentos para incorporar à sua dieta agora

Seus novos melhores amigos.
Sim, você sabe melhor, mas muito bem que faz o seu paladar. Eles ainda preferem batata frita a beterraba, frango frito a peixe enlatado e macarrão a quase tudo. Mas e se você não precisasse escolher entre comida boa e comida boa para você, porque eram a mesma coisa? É isso que pretendemos realizar.

Aqui, você encontrará uma pequena lista de alimentos que realmente deveria incorporar à sua dieta - porque, francamente, seus benefícios para a saúde são extravagantes. Mas em vez de deixar que você descubra o que fazer com eles (polvilhe-os no cereal? Empurre-os no prato?), Combinamos esses alimentos maravilhosos em nove pratos que têm um sabor excelente - como um lanche -na-frente-da-TV ótimo, ótimo jantar favorito da noite da semana. Porque não somos sua mãe. Não nos importamos se você colocar os cotovelos sobre a mesa. Mas sabemos que comer bem é uma das coisas mais legais que você pode fazer por si mesmo, e se você puder recrutar suas papilas gustativas para ser seu aliado, poderá descobrir que é divertido ser bom.

Conheça os 25 superalimentos deliciosos e repletos de nutrientes:

Os abacates cremosos e suculentos não só contêm o melhor tipo de gordura (ácido oleico monoinsaturado), mas também ajudam seu corpo a bloquear a absorção de gorduras ruins (colesterol). Eles são ricos em luteína, que ajuda a visão, e em potássio e folato, que podem reduzir o risco de derrame e doenças cardiovasculares. E eles têm baixo teor de pesticidas.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O pigmento betacianina, que dá às beterrabas sua tonalidade distinta, é apenas um dos vários fitonutrientes que combatem doenças encontrados nesta raiz vegetal. A beterraba também é uma boa fonte de folato, que protege contra defeitos congênitos, câncer de cólon e osteoporose, e é rica em fibras e beta-caroteno.

O rábano rico em glicosinolato combate o câncer e mata as bactérias. Também é uma boa fonte de cálcio, potássio e vitamina C, que, entre outras coisas, ajuda a manter o colágeno.

Quer seja laranja ou branca, a batata-doce contém fitonutrientes que promovem a saúde do coração e dos olhos e aumentam a imunidade. Eles são lavados com beta-caroteno (que diminui o risco de câncer de mama) e vitamina A (que pode reduzir os efeitos do tabagismo).

Os vegetais crucíferos - repolho, couve-flor, brócolis rabe - contêm uma grande variedade de combatentes das doenças. Um herói em particular, o sulforafano, pode aumentar as enzimas que reduzem a incidência de câncer de cólon e pulmão.

Frescos ou congelados, os mirtilos têm níveis altíssimos de antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pela inflamação. As antocianinas, os compostos naturais das plantas que dão aos mirtilos sua cor profunda, também podem ter efeitos antidiabéticos. E uma nova pesquisa sugere que os mirtilos podem proteger o músculo cardíaco de danos.

Folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga são uma excelente fonte de ferro (especialmente importante para as mulheres), vitamina A e luteína para a saúde dos olhos. E o melhor de tudo, você conhece aqueles ômega-3 de que todo mundo está falando? Eles residem em verdes escuros (incluindo algas marinhas, razão pela qual estão concentrados em peixes).

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Alliums, a família botânica que inclui alho-poró, cebola e alho, compartilham muitas características notáveis. Eles podem ajudar a reduzir a pressão arterial e os níveis de colesterol. A pesquisa sugere que eles inibem o crescimento das células cancerosas da próstata, estômago e cólon. Eles também têm propriedades antibióticas - portanto, podem afastar os germes assim como os vampiros.

Não coma grãos inteiros (como trigo sarraceno e quinua) só porque eles são ricos em magnésio, vitaminas B, fibras e manganês. Faça isso porque eles têm um gosto ótimo - nozes, amanteigados, terrosos. E isso, por sua vez, pode realmente ajudá-lo a não comer demais - um estudo descobriu que as pessoas se sentem mais saciadas depois de comer trigo sarraceno do que depois de comer outros grãos.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Como o trigo integral, a espelta ancestral é mais doce, com mais nozes e mais rica em proteínas do que seus parentes processados. Ambos também são boas fontes de manganês e cobre.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

A cúrcuma, usada na medicina holística como um auxílio digestivo e curador de feridas, também pode servir como um antiinflamatório, então pegue o curry (a cúrcuma é o ingrediente principal) quando estiver amamentando uma dor de dente ou entorse.

A canela é a medalha de ouro na prateleira de especiarias, com um dos mais altos níveis de antioxidantes de todas as ervas e especiarias. Ele também tem um efeito positivo sobre os níveis de glicose no sangue, portanto, adicioná-lo aos alimentos pode mantê-lo estável e saciado.

Experimente estas receitas: Menu O's de canela

Níveis superestrelas de antioxidantes significam que meia colher de chá de orégano seco tem os benefícios de uma salada de espinafre. O orégano tem a capacidade de agir como expectorante, eliminando o congestionamento e também pode melhorar a digestão.

Aquele calor na língua quando você come especiarias como gengibre, pimenta caiena e pimenta-do-reino é evidência de gingeróis, capsaicina e piperina, compostos que aumentam o metabolismo. Eles também têm um efeito afrodisíaco - mas evite consumi-los se você for incomodado por ondas de calor.

O missô profundamente saboroso, uma pasta de soja fermentada, é uma ótima fonte de proteína de baixa caloria (dois gramas em uma porção de 25 calorias). Ele também contém B12 e é uma boa fonte de zinco, que ajuda o sistema imunológico a funcionar adequadamente.

Experimente esta receita: Sopa de macarrão miso

Assim como o leite do qual é feito, o iogurte é uma boa fonte de cálcio, fósforo e proteína. Ao contrário do leite, o iogurte de verdade também contém probióticos, as bactérias benéficas que seu sistema digestivo precisa para processar e se beneficiar de todas as outras coisas que você come. Um, Lactobacillus casei, aumenta a resposta imunológica.

As sardinhas capturadas na natureza têm baixo teor de mercúrio (ao contrário de alguns tipos de atum) e alto teor de vitamina D uma porção de 90 gramas tem tanto cálcio quanto uma xícara de leite. Melhor ainda, eles são uma das principais opções do Aquário da Baía de Monterey em termos de sustentabilidade.

Experimente esta receita: Sanduíche De Salada De Sardinha

O salmão king, sockeye e coho têm mais ácidos graxos ômega-3 DHA mais EPA do que quase todos os outros frutos do mar, bem como alguns dos níveis mais baixos de mercúrio. Nutricionalmente, o salmão enlatado do Alasca pescado na natureza é tão bom quanto fresco e custa uma fração disso. O Monterey Bay Aquarium também defende a sustentabilidade desse peixe.

Experimente esta receita: Bolos De Salmão

As minúsculas e saborosas sementes de gergelim contêm lignanas (ou compostos vegetais) únicos, incluindo sesamina e sesamolina, que podem ajudar a reduzir o colesterol. As sementes são uma boa fonte de cálcio, fósforo e zinco - bem como cobre, que a pesquisa sugere que pode ajudar a manter os ossos fortes.

De todas as nozes, as nozes contêm a maior parte dos ácidos graxos ômega-3 alfa-linolênicos, que reduzem o colesterol LDL (mau) e podem reduzir a inflamação nas artérias. As nozes também são uma grande fonte de antioxidantes, vitamina E, selênio e magnésio.

Embora todos os chás (preto, branco e verde) tenham antioxidantes protetores, o chá verde é o que mais agrada ao seu gole. Ele contém um composto que aumenta o metabolismo, chamado EGCG, que evita danos aos músculos do coração. O chá verde também pode melhorar a densidade óssea, mas evite adicionar leite à xícara - ele pode reduzir a absorção das catequinas pelo corpo.

É como se o chocolate estragasse a festa, mas não é por acaso que a variedade escura confere benefícios à saúde. A Dra. Aviva Romm, presidente da American Herbalists Guild, diz que os altos níveis de antioxidantes o tornam uma indulgência perfeita. O chocolate é rico em flavonóides, substâncias que comprovadamente melhoram o fluxo sanguíneo, suprimem a tosse, melhoram a memória e proporcionam uma pele hidratada e macia. Uma onça dose de chocolate por dia agora é oficialmente a ordem do médico.

Os ácidos graxos ômega-3 são uma palavra da moda nutricional e por um bom motivo - eles aceleram o metabolismo celular e reduzem a inflamação no corpo, reduzindo os níveis de triglicerídeos e diminuindo a pressão arterial. Uma das maneiras mais fáceis de obtê-los é com semente de linhaça moída. Para um sucesso rápido, polvilhe com aveia ou pratos assados.

Usado por milênios nas culturas antigas do Mediterrâneo e do Oriente Médio, os figos são uma excelente fonte de fibra alimentar (quase 2 gramas cada!). Eles também são uma boa fonte de cálcio e potássio.

Experimente estas receitas: O's figo menu

Pense em comer algas marinhas como um caminho direto para a fonte - é onde os peixes obtêm seus ômega-3, o que significa que você pode pular os peixes e ir direto para as algas. As algas marinhas também são um negócio de dois por um, em termos de nutrição: elas contêm nutrientes comumente encontrados em vegetais de folhas verdes, junto com a maioria dos minerais encontrados no oceano. Eles também estão cheios de magnésio, que pode prevenir enxaquecas e ataques de asma. Rale nori na pipoca e nos ovos, acrescente wakame às sopas e marine o hijiki com óleo de gergelim para uma salada rápida.


Assista o vídeo: 25 Best SUPERFOODS You Need To Start Eating Now (Outubro 2021).