Receitas de coquetéis, destilados e bares locais

Este novo café tem os mesmos benefícios antioxidantes do vinho tinto

Este novo café tem os mesmos benefícios antioxidantes do vinho tinto

Um químico da Universidade de New Hampshire diz que inventou o café que tem benefícios antioxidantes semelhantes aos de uma taça de vinho

Combinando o sabor e os benefícios de suas bebidas favoritas ... como você pode dizer não?

Quem diria que havia uma maneira de melhorar ainda mais os benefícios de nossa bebida matinal necessária, além da cafeína? Um químico da Universidade de New Hampshire criou uma variedade de café que tem tantos antioxidantes quanto o vinho, infundindo café árabe de alta qualidade com resveratrol, a substância química encontrada no vinho que tem efeitos antioxidantes saudáveis ​​para o coração. O produto resultante é o CoffVee: o café que faz você se sentir quase tão bem quanto uma taça de vinho.

Glenn Miller, que fundou Vera Roasting Company, afirma que cada xícara de seu café (que vem em torrado colombiano e francês escuro) contém a mesma quantidade de antioxidantes que uma taça de vinho. Vera Roasting Company foi lançada oficialmente em 8 de dezembro.

Miller desenvolveu o processo para adicionar resveratrol ao café em sua cozinha. Originalmente, ele aplicou o processo à água e ao chá, mas acabou optando pelo café.

“Achamos que estamos prestes a fazer a transformação da indústria do café”, Miller disse ao Portsmouth Herald.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, exacerbam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter o coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter o coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter o coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é a principal culpada por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter o coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é a principal culpada por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é a principal culpada por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é o principal culpado por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E, ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, agravam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Os 10 melhores alimentos antiinflamatórios para a saúde do coração

O verdadeiro segredo para manter seu coração saudável? Coma mais desses alimentos antiinflamatórios que atuam para impedir doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram lentamente que a inflamação de baixo grau é a principal culpada por trás de quase todas as doenças crônicas, e isso inclui a saúde do coração. Mas como exatamente a inflamação está ligada às doenças cardíacas e ao risco de um ataque cardíaco ou derrame?

Aqui está uma análise rápida para explicar:

  • Os hábitos alimentares não tão saudáveis ​​irritam o corpo, desencadeando uma inflamação inicial de baixo nível. E ao contrário da inflamação "boa" que cura o corpo e depois desaparece, esse tipo permanece, tornando o corpo mais suscetível a doenças.
  • Quando se trata de doenças cardíacas, essa inflamação de baixo grau aumenta os níveis de LDL ou colesterol "ruim", estimulando a formação de depósitos de gordura nas artérias. Isso gradualmente estreita a passagem para o sangue - é por isso que a pressão alta é um sinal precoce comum de doença cardíaca.
  • Outros fatores de estilo de vida, como inatividade, estresse, ganho de peso e falta de sono, exacerbam esse baixo nível de inflamação, levando à progressão de doenças cardíacas, aumentando o acúmulo de artérias e aumentando o risco de ataque cardíaco e derrame.

Isso significa que diminuir a inflamação é a chave para melhorar a saúde do coração. Para fazer isso, concentre sua dieta e planejamento de refeições em alimentos antiinflamatórios que são conhecidos por ajudar a minimizar os fatores de risco de doenças cardíacas (como colesterol alto ou pressão arterial e excesso de peso corporal). Aqui estão os 10 principais alimentos antiinflamatórios para manter o coração saudável e reduzir os riscos de doenças cardíacas.


Assista o vídeo: RAUPERFORMANCE - NIECH MNIE KTOS USZCZYPNIE (Outubro 2021).